Livros Lidos

Inês - 's bookshelf: read

O Grande Gatsby
Isto Acaba Aqui
A Cabana
Escrito na Água
A Rapariga Que Sonhava com Uma Lata de Gasolina e Um Fósforo
A Rapariga de Antes
O Império dos Homens Bons
Em Parte Incerta
O apelo da selva
Os Homens que Odeiam as Mulheres
Diário de Anne Frank
A Princesa de Gelo
A Quinta dos Animais
Maligna
Como é Linda a Puta da Vida
Um estranho lugar para morrer
A Verdade Sobre o Caso Harry Quebert
A Rapariga no Comboio
Mulheres, Comida & Deus
A aventura do bolo de natal


Inês - Livros e Papel's favorite books »

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Opinião - Águas Profundas de Robert Bryndza



Este é o terceiro livro do autor Robert Bryndza a ser publicado em Portugal. E a cada novo livro que leio, acho melhor que o anterior. Já tinha gostado bastante da Sombra na Noite, e este simplesmente adorei!

Mais uma vez, a nossa protagonista detective Erika Foster está a trabalhar num caso de narcóticos. Recebe uma denúncia anónima de uma prova que estaria no fundo de uma pedreira abandonada. Ao realizarem as buscas descobrem o corpo de uma criança. O corpo de Jessica Collins, uma menina desaparecida há 26 anos.

Erika e a sua equipa pões mãos à obra para descobrir o que aconteceu à pequena Jessica, na altura com 7 anos. É a história do desaparecimento é um pouco angustiante quando de trata de uma criança, em especial para mim que tenho uma filha com essa idade.

Li este livro muito rapidamente pois a história prendeu-me logo desde as primeiras páginas. E criou-se uma ansiedade para saber o que aconteceu à menina.
É um thriller muito bom, com muitos segredos desvendados, um passado que alguém não quer que se revele e para mim um final bastante surpreendente. Os ingredientes perfeitos para uma boa leitura!

Robert Bryndza já se tornou um dos meus autores preferidos!

Classificação: 5/5


SINOPSE
Debaixo de água, o corpo afundou-se rapidamente. Ali permaneceu, imóvel e imperturbável durante muitos anos, mas, lá em cima, fora de água, o pesadelo estava apenas a começar.
Quando a detetive Erika Foster recebe uma denúncia anónima informando que uma prova fundamental relacionada com um caso de narcóticos estava escondida numa pedreira abandonada nos arredores de Londres, ela manda investigar a pista. No espesso lodo das águas encontram as drogas que procuravam, mas também os restos mortais de uma criança pequena. O esqueleto é rapidamente identificado como Jessica Collins, a menina de sete anos que fizera as manchetes das notícias vinte e seis anos antes.

Ao mesmo tempo que tenta juntar provas novas à investigação, Erika depara-se com uma família que guarda muitos segredos, uma detetive atormentada pelo fracasso e a morte misteriosa de um homem que vivia junto à pedreira. 

Será o assassino alguém dos elementos mais próximos da menina? Há quem não deseje ver o caso resolvido. E tudo fará para impedir Erika de descobrir a verdade.

Sem comentários:

Enviar um comentário